comunicado oficial - covid-19

Clique aqui para mais informações
05/Set
Fonte: Ninkasi Beer Club

Novidades no Mondial de La Bière Rio

Clique aqui para ler a matéria direto da fonte.

A Brassaria Ampolis, cervejaria criada em homenagem ao humorista Mussum, criou duas cervejas especialmente para o festival. A primeira, batizada Chilli Peppis, é uma pepper lager ultra refrescante e aromática, com 4.5% de álcool e adição de pimentas rosa e dedo-de-moça. A segunda, chamada Esfumaçadis, é uma new england Ipa que leva aveia e trigo para cremosidade extra; um blend único dos lúpulos Magnum, Amarillo, Mandarina e Calypso; dry-hoppin; e notas tropicais que vão da toranja ao maracujá, melão e damasco. No festival, a Brassaria Ampolis estará no Armazém 4.

A Palma Louca, cerveja de receita brasileira produzida no Canadá que chegou recentemente ao Rio de Janeiro a partir de uma parceria entre os empresários Mario de Andrade (o Mário Maluco do Palaphita), Roberto Londres e Cesário Mello Franco (criador da Xingu e co-fundador da Colorado), participa do Mondial de La Bière pela primeira vez. Trata-se de uma lager suave, agradável ao paladar, refrescante e cremosa, composta por maltes selecionados e lúpulos americanos de alta qualidade (Nugget e Styrian Gold), que conferem aroma e equilíbrio. No estande da marca, que tem uma identidade visual cheia de estilo, vai acontecer o Desafio Palma Louca, em que todos que comprarem uma garrafa da cerveja poderão testar o equilíbrio se pendurando em uma barra de ferro. O desafio é famoso em vários lugares do mundo justamente por ninguém conseguir se manter mais do que alguns segundos na barra. No festival, a Palma Louca estará no Armazém 4.

Fonte: Documennta Comunicação

USE AS TAGS #MONDIALDELABIÈRERIO E #MONDIALDELABIÈRERIOEUVOU E COMPARTILHE SEU AMOR POR CERVEJAS ARTESANAIS.